Missionários

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

Carla Stracke e Danilo Sanguin

Carla e Danilo são um casal de missionários que desde 2014 tem se capacitado e se envolvido em ações missionárias em diversas áreas tanto em sua igreja local quanto no campo missionário. Grande parte de 2017 eles estão servindo em Portugal trabalhando em uma Escola de Aconselhamento Cristão da Jocum – Jovens Com Uma Missão – respondendo ao chamado de Deus para a vida deles que é aconselhar e caminhar diretamente com pessoas em suas jornadas de vida e de fé.

Ambos são membros da Igreja Metodista Itaberaba em São Paulo há mais de 10 anos e já desenvolveram atividades missionárias na mesma. Já participaram de programas Metodistas como o Treina Malta em 2014 (Teresina – Piaui), Ciemal – Conselho de Igreja Evangélicas Metodista da América Latina – em 2015 (Panamá) e Projeto Missionário Uma Semana pra Jesus em 2016 além de servirem no movimento Transbordante e Transbord’arte, assim como nas esferas distritais e regionais da 3ª Região Eclesiástica e em ministérios na igreja local como: intercessão, ação social, música, jovens, trabalho com pessoas em situação vulnerável e adictos e suas famílias.

No início de 2016, depois de ter missões além da igreja local queimando em seus corações há alguns anos, ambos deixaram sua cidade local, famílias e emprego para um tempo de capacitação missionária na Jocum inicialmente através da ETED aconselhamento – Escola de Treinamento e Discipulado – com ênfase em aconselhamento onde serviram em Rio Branco, Acre com ações missionárias em presídios, casas de reabilitação, fórum criminal e casa de meninas vítimas de abuso sexual e depois na FMA – escola de fundamentos ministeriais em aconselhamento onde serviram como apoio para os familiares dos pacientes do Hospital Angelina Caron em Campina Grande do Sul, Curitiba e depois trabalharam com aconselhamento em uma igreja brasileira em Orlando, Estados Unidos . Você pode ajudar e muito esse casal participando diretamente dessa jornada incrível que o Senhor deu o privilégio deles viverem. Todos fomos chamados a missão quando Deus nos atenta a estarmos dispostos a colaborar nas necessidades de quem faz a missão no campo missionário.

Mariana Wada

Me chamo Mariana Wada, e sou missionária, pela JOCUM (Jovens com uma missão), há três anos. Já conheci algumas bases no Brasil e no exterior, onde pude me capacitar e crescer, começando em meu caráter, para assim continuar sendo alguém que abençoa e ama pessoas. Meu primeiro contato com a Jocum, foi em 2014, onde participei da EMF (Escola Missionária de Férias), onde aprendi mais sobre missão e serviço. Fiz minha ETED (escola de treinamento e discipulado), no mesmo ano, porque Deus me pediu. A princípio eu não queria fazer, mas escolhi obedecer à vontade de Deus para minha vida. Foi uma das decisões mais difíceis, porque precisei abrir mão da faculdade, para fazer algo que no momento nem eu queria. No final da ETED, entendi que deveria continuar em missões, na JOCUM. Deus confirmou isto através de Jeremias 1, me dizendo que deveria continuar na missão, e não mais olhar para trás.

Foi uma decisão difícil, mas que me honrou muito, porque nestes três anos em missão, pude aprender e conhecer tantas pessoas, culturas, costumes… Puder servi-las e aprender com elas. Em 2015 fui para o Havaí, para conhecer e ajudar no desenvolvimento de uma ferramenta chamada UNISKRIPT. É um alfabeto composto de símbolos, cuja oralidade é o Português. Ou seja, são símbolos que auxiliam na tradução da Bíblia , e simplificam o aprendizado do Português, relacionando cada símbolo com um fonema da Língua Portuguesa, que também traz uma consciência fonológica para os que aprendem o alfabeto.

Atualmente estou na base Jocum Ponta Grossa –PR, trabalhando com crianças e adolescentes de um projeto social, dando uma oficina de Linguagens – Inglês e UNISKRIPT, utilizando a bíblia como ferramenta principal para as aulas. Em breve irei me capacitar em aconselhamento, e continuarei com os projetos do Uniskript. Estou aberta ao que Deus me pedir para fazer ou ir, para continuar influenciando nas diversas áreas da sociedade.

Missão é algo que vem do coração de Deus, não apenas para mim, mas para todos aqueles que têm o coração disponível para Deus. Mesmo sem Ele me chamar, eu me fiz disponível para viver o que Ele tinha e tem para mim. Antes de eu entender que missão é o meu chamado, eu disse ‘sim’, mesmo antes de Ele me chamar. Mesmo sem eu entender, eu aprendi, pela fé, a confiar e caminhar.